PM estende operação a Capão Redondo e Campo Limpo

A Polícia Militar estendeu ontem a Operação Saturação ao Campo Limpo e ao Capão Redondo, na zona sul de São Paulo. Até a última terça feira um suspeito havia morrido após um tiroteio, e outras sete pessoas foram presas.

Segundo a polícia, a troca de tiros ocorreu em uma boca de fumo. Um suspeito foi baleado e levado ao Hospital do Campo Limpo, onde morreu. Outros dois acabaram detidos e levados para a delegacia da região.

O tenente-coronel Deufrânio Barbosa de Carvalho, comandante do 37º Batalhão e responsável pela operação, afirmou que outras sete pessoas já haviam sido presas em uma refinaria de drogas na divisa da zona sul com a cidade de Embu das Artes (Grande São Paulo).





No local, foram apreendidos 5 mil pinos e 2 kg de pasta de cocaína, 0,5 kg de maconha e uma balança de precisão.

O objetivo da operação no Campo Limpo e no Capão Redondo é desarticular, principalmente, a venda de drogas. Essa ação, segundo a PM, deve acabar hoje –diferentemente de Paraisópolis, onde a operação teve início e ainda não tem previsão para acabar.

Os dois bairros estão entre os que mais registraram homicídios dolosos (intencionais) em 2012 –tiveram 74 dos 919 assassinatos na cidade.

A ofensiva policial para conter o avanço nos homicídios foi deflagrada em Paraisópolis na segunda, com a prisão de integrantes do crime organizado e apreensões de drogas e fuzis.





1 resposta

  1. Tião Veríssimo 17 de agosto de 2013

Deixe seu comentário